sábado, 31 de dezembro de 2011

Happy new year !

Heyy flowers! Faz 9 meses que eu tenho esse blog,esse é o meu primeiro fim de ano aqui...sabe quando voce sente que precisa complementar sua vida? que voce precisa fazer qualquer coisa pra da uma levantada sei la..Então eu sentia isso mais eu não conseguia fazer nada que me deixasse melhor. Fazer o blog me ajudou muito,eu conheci voces eu compartilhei os meus sentimentos,conheci as donas dos outros blogs,é tudo muito legal! Obrigado por estarem comigo desde sempre,por comentarem,por serem fofas assim,por elogiarem minha IB kk  Eu sou muito feliz com esse blog,ele se tornou tudo pra mim,se eu não consigo postar eu fico doida de saudades de voces hehe Obrigado mesmo lindas,feliz ano novo pra todas,que os sonhos de voces se realizem,que Deus abençoe cada uma e que 2012 seja um ano muito melhor! Eu amo muito voces,sou fã de todas e eu fiquei tão feliz por saber que eu tenho fãs kkk AAA EU TENHO FÃS! vai tirano kkk É isso gente,A gente se encontra ano que vem? Então ta,prometo começar o ano com muitos e muitos e muitos capitulos pra voces! deem a opinião de voces sobre o que vai acontecer..lembrando que essa história não vai acabar em felizes para sempre hein,vai ser um final triste como disse a um tempão atras!
    Um hiper beijo,amo voces.

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Forever By My Side - Segunda Temporada - Part. 03 - Meu mundo parou.

Antes: (...) Desci do taxi..entrei na pequena porta,me dirigi por um corredor até encontrar uma moça,ela me guiou até uma outra porta,entrei e tinha varias pessoas..



Agora... 


   Sentei na única cadeira disponível e esperei por cerca de 20 minutos,fui chamada e entrei numa sala bem pequena,o unico homem a minha frente me comprimentou e eu respirei fundo

giu: eu estou gravida.

homem: o que eu posso fazer por voce?

giu: a unica coisa que voce faz aqui! - disse o óbvio

homem: tem certeza disso? voce parece nova..

giu: não estou aqui pra discutir a minha idade! vai fazer ou não? quanto cobra? - começei a me alterar

homem: hmm 200 dólares pra voce.

giu: tudo bem!

homem: tem certeza mesmo de que quer abortar?

giu: sim.

homem: quantos meses esta?

giu: nem um direito!

homem: er.. - ele pareceu meio preocupado - sinto muito mais ainda não posso.

giu: hã porque?

homem: só aborto com pelo menos 2 meses de gestação!

giu: droga..não da pra fazer nada? - disse decepcionada

homem: sinto muito.


  P.O.V Justin

juss: a onde sera que ela esta? - balançava a perna frenticamente

pattie: não deu pra seguir o taxi? como assim ela simplesmente sumiu na esquina?

chaz: não deu tia! o sinal fechou,preferi parar do que provocar um acidente! - ele abraçou minha mãe de lado,olhei pro meu celular e disquei o numero dela,chamava e chamava e ninguem atendia

juss: ela não atende!

pattie: vamos esperar mais um pouco... - recostei no sofá e fechei os olhos,ela esta grávida,carregando um bebezinho..que é meu.Não queria que ela ficasse grávida pelo motivo do que possa acontecer comigo,não queria que acontecesse justamente o que ela não quer..mais ela está e..eu quero que ela tenha esse filho,quero poder saber que se acontecer alguma coisa o nosso filho vai estar bem,saudavel só assim eu vou poder..ficar bem tambem. Abri os olhos e olhei pra minha mãe,ela fitava o chão

juss: vou pro quarto..se ela chegar pede pra ela ir pro quarto? - minha mãe concordou e eu fui,sentei na cama e tudo que me resta é esperar.Minha conciencia estava pesada não devia ter brigado com ela,ela pode..sei la esta fazendo uma loucura,não sei! Senti minha respiração sair de ritmo aos pouquinhos,eu começei a ficar com falta de ar e tudo começou a girar,ja tinha me acostumado com isso..de vez em quando me da isso e eu tenho que para 5 minutos que logo passa,me deitei na cama e a falta de ar aumentou,eu ja não aguentava mais segurar meus olhos abertos,fechei eles e coloquei a mão no coração ele estava disparado..tentava respirar e parece que o ar não vinha,parecia que não tinha ar ali..quando dei por mim estava sugando o ar fortemente,ouvia minha boca fazer um barulho estranho e parecia que alguem estava me matando enforcado..ouvi a porta se abrir e eu arranquei forças não sei de onde,abri os olhos e vi Giulia na minha frente

giu: justin! - ouvi ela dizer assustada,vi ela revirando a gaveta do meu criado mudo,ela tirou a minha tabela de remédios e...DROGA! eu não tomei o segundo remédio hoje! não aguentei e fechei os olhos ,virei pro lado e eu ja via tudo ficar escuro,minha visão estava cheia de bolinhas e eu estava ficando sem forças,senti meu corpo relaxar...


 P.O.V Chaz

Estava com tia pattie na sala e Giulia chegou,ela disse que foi da uma volta somente e subiu deixando nós dois com muitas duvidas.Segundos depois ouvimos ela gritar o nome de justin e ja nos preparamos pra mais uma briga dos dois..ficamos em silencio e começamos ouvir um barulho estranho,sem identificação.Subimos a escada não tão rapido e fomos para o quarto,assim que chegamos la vimos o justin deitado de lado aparentemente dormindo e a giulia desesperada revirando a gaveta

chaz: ta tudo bem meu amor? - perguntei me aproximando dela,ela não respondeu,pegou em uma cartela de remédio,um comprimido e uma garrafinha de agua e voou pra cama ela virou o justin e quando vimos o rosto dele,notei que não estava tudo bem! Fui pro lado dele e ajudei a senta-lo como giulia tentava fazer,pattie não sabia o que fazer,ela dava tapinhas no rosto dele e chamava por ele,que estava com os olhos abertos,pedindo por ajuda e tentando falar algo totalmente sem ar,giulia pegou uma mascara de oxigênio do lado e colocou nele,ela apertou a bomba e em poucos minutos justin ja respirava com dificuldade,mais respirava.10 minutos depois ele ja conseguia repirar normalmente,ela deu o remedio pra ele e depois deu agua,vi o corpo dele relaxar e ele apertou a mão da Giulia.

 P.O.V Giulia

 Vi justin com falta de ar,tendo um ataque na cama..se contorcendo..pedindo por ajuda só com os olhos,meu mundo parou,minha respiração parou.O médico explicou que era preciso ele tomar os remédios rigidamente por que poderia acontecer algo,agora por exemplo -segundo a explicação do médico - fechou os canais respiratórios,ele poderia ter outro tipo de convulsão. Eu vi na tabela que ele não tinha tomado o remédio,ele faz certinho,ele pega a tabela e faz um X no quadrado do remedio que ele acabou de tomar,todos os dias ele marca o horario e o remedio com um X. Eu vi que ele não tinha feito o X e ja tinha passado o horario...Depois que o susto passou eu fiquei ali com ele,segurando a mão dele,chaz e pattie ja tinham saido do quarto e justin olhava pra mim com um olhar triste..

giu: esta se sentindo bem? - ele fez sinal positivo com a cabeça - dói alguma coisa meu amor? - ele fez sinal negativo,estava assustado ainda - passou viu? fica calmo.. - passei minha mão por sua testa e depositei um beijinho ali - não vou te deixar! - ele sorriu fraco - olha o próximo remédio é daqui a pouco,ja vou separar ele! - disse olhando a tabela,me levantei e deixei o remedio separado ali do lado com a agua dele - pode deixar que eu dou pra voce! - sorri,olhei no relógio e eram 08:16 PM - to com fome voce ta? - ele sorriu meigo e balançou a cabeça positivamente - ja volto então! - sorri e sai do quarto,preparei espaguete com almondegas,ele adora! Preparei um monte e avisei a Pattie de que o jantar estava pronto,ela disse que ia avisar a todos e eu subi com uma bandeja com os nossos pratos,entrei no quarto e seus olhinhos cresceram na bandeja,me sentei ao lado dele e jantamos assistindo Tv..

 No dia seguinte...


 Continua!

  Ooi meninas! desculpa a demora viu? to sem net --' Bom eu escrevi só isso porque eu vou tentar,fazer o possivel e o impossivel pra postar mais hoje a noite! To suuuper feliz pelos comentários voces são umas fofas! Pensa numa menina boba que chorou porque viu um comentário assim "vééi sou sua fã numero 1 !" haha é sério eu amei! obg flor eu que sou sua fã hehe Bom gatinhas do bieber eu vou pedir 18 Comentários mais por favor não comentem duas vezes ook? eu sei que tem algumas meninas que comentam anonimo várias vezes só pra dar o numero que eu pedi então agora vai ser assim Comentários anonimos sem nome,não serão considerados! Tem meninas até que não tem conta mais tem nome néh! Então espero que me entendam,eu amo voces! um beijão.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Happy holidays!

Gatinhas do Bieber,merry christmas and happy new year pra todas voces haha muita paz e saude pra tooodas nós! que voces beijem muito no ano que ta chegando,arranjem muitos gatinhos,deem muitos pegas e arrasem geral kkk Desculpa não ter entrado sabado nem ontem mais tava uma correria aqui,dai ontem a noite fui tentar mais não consegui postar porque tava dando erro ¬¬' enfim muitas felicidades pra voces minhas flores! Tem capitulo novinho chegando..esperem só um pouquinho hehe pra quem perguntou se eu to bem,o porque eu estava estranha e tudo mais eu explico,é que essas ultimas semanas não estão sendo as melhores,muitas decepções vindo de pessoas próximas,um colega morreu..foi horrivel.Mais eu estou bem melhor e vou voltar o que era antes! :D

     Ganhei um selinho! uhuul kkk obrigado Cantinho da Belieber pelo selinho haha Aqui vão os blog que eu indico:












http://lindo-como-o-ceu.blogspot.com/


                                                  Happy Holidays!


 


                                

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Forever By My Side - Segunda Temporada - Part . 02 - Não quer ter um filho de um cara morto?

Antes: (...) resolvi da um fim nisso e abri..tirei a folha de la ee...



Agora...



 Começei a ler...positivo.


P.O.V Justin


  Eu almoçei e fui pro jardim ver os meninos jogarem basquete ja que eu não podia,Giulia estava no quarto mechendo no computador,logo escutei o telefone tocar e segundos depois ouvi minha mãe gritar o Chris,ele saiu correndo e pegou o telefone da mão dela ,ele foi pra dentro e eu voltei minha atenção pro jogo.Logo chris apareceu e sentou ao meu lado

juss: eai? - perguntei olhando pra ele que desgrudava a camiseta do corpo,por estar todo suado ECA!

chris: pessima noticia cara! -ele olhou pra frente

juss: manda..má noticia é o que eu mais recebo! - ele olhou pra mim e respirou fundo

chris: a gente não vai poder ficar mais! - abaixei a cabeça

juss: estava esperando por esse dia! - olhei novamente pra ele

chris: acabou a licensa na escola e tals...cara a gente não pode ir! voce sabe que não!

juss: voces podem e se tiverem que ir..vão!

chris: mas.. - interrompi ele

juss: chris...eu não falo pra giulia mais eu sei que não vou resistir,eu faço o tratamento pela giulia e se dizem que voce sente que vai morrer..eu confirmo isso agora!

chris: justin não diga isso cara!

juss: é o que eu sinto..não quero pessoas sofrendo por mim,gente lementando por mim..quero que fiquem bem,e se voces tiverem que ir eu quero que vão pra não precisar ver isso!

chris: justin para com isso! voce ta fazendo o tratamento,vai sair dessa!

juss: pra voce..pra mim não! eu sei que vou dessa pra melhor a qualquer momento e eu só queria..preparar todo mundo entende?

chris: acho que sim! - ele abaixou a cabeça - mais eu tenho certeza que voce não vai dessa pra melhor! voce vai ficar por aqui mesmo.

juss: e por isso que eu rezo todos os dias..

chris: não é a primeira vez que conversamos assim!

juss: não..é a ultima! - eu suspirei e voltei minha atenção pro jogo animado de ryan e chaz,eles quase nem jogavam só batiam bola e faziam alguns aremessos,o tempo passou e logo ja era hora do almoço,os meninos foram pra dentro pra tomar um banho e eu fiquei la sentado,proximo a piscina..pensando.A cascata da piscina fazia barulho junto com os passaros cantando,respirei fundo e aquele cheiro de ar puro me invadiu,eu me senti livre..me senti aliviado,era como se tudo,todas as dores e as situações constrangedoras desaparececem da minha vida,tirasse um peso das minhas costas,fechei os olhos e e me vi em um campo..grande e verde,sem nenhuma arvore,eu vi uma garota,ela estava longe..bem longe,nem forçando a vista eu conseguia enxergar,ela não estava com um vestido branco e nem de cabelos soltos voando com o vento..ela estava de calça jeans e sorria bastante,seu sorriso iluminava tudo,eu sorri de volta pra ela e em questão de segundos ela estava na minha frente,não me assustei ou recuei..eu abraçei ela depois de falar e ouvir algo totalmente desconhecido por mim.

Xxx: Acorda justin! - abri os olhos e chris estava na minha frente - dormiu ai cara? vamos almoçar! a gente ja tomou banho! - ele estendeu a mão eu segurei e ele me levantou da grama - sua roupa ta toda verde! - ele riu e bateu nas minhas costas,eu não disse nada estava me sentindo tonto e acabei tropecando no meu pé,chris me segurou -  ououou ta tudo bem justin? ta se sentindo bem? - ele segurou meu ombro

juss: sim foi só uma tontura! - coloquei a mão na cabeça

chris: vem voce precisa comer e descançar!

juss: cade a giulia? - começamos a andar

chris: ela não esta em casa,eu fui no seu quarto mais ela não esta la..em lugar nenhum! - ele pareceu preocupadp,eu como um reflexo peguei meu celular no bolso e disquei seu numero,logo ela atendeu

  Ligação On.

juss: amor?

giu: oi amor! - ela pareceu meia nervosa

juss: ta tudo bem? voce ta na onde?

giu: eu vim ao..médico!

juss: oque? o que voce tem? porque não me avisou?

giu: eu to bem,quando eu chegar em casa a gente conversa pode ser?

juss: ok mais voce ta vindo? a gente vai almoçar agora!

giu: eu..ja almoçei! - era mentira,só pela voz eu sabia..ela fica tremula - ja eu chego em casa ok?

juss: tudo bem meu amor! toma cuidado,fica bem!

giu: voce tbm! te amo.

juss: amo voce tambem!

  Ligação Off.

Chris: a onde ela ta? - entramos na cozinha

juss: disse que foi ao médico mais ja esta voltando! - ele fez uma cara de "não entendi essa" todos ja estavam na mesa,disse que ja voltava e fui lavar as mãos,voltei e me sentei pra comer

pattie: justin ja tomou seu remédio?

juss: sim mãe! - continuamos almoçando,todos estavam rindo e conversando na mesa,eu estava meio quieto,pensando na onde giulia foi pra estar tão nervosa daquele jeito,eu ouvi o barulho da porta e logo depois a figura mais linda do mundo apareceu na sala de jantar - amor! - levantei e abraçei ela forte,fui andando agarrado nela até a sala,dai eu a soltei ainda ficando pertinho dela - porque foi no médico? - disse baixinho quase sussurrando

giu: precisamos conversar..seriamente! - ela sussurrou tambem

juss: tudo bem! pode me dar um beijo? - colei nossas testas,ela foi chegando até minha boca devagar,como se tivesse receio de algo,quando chegou ficou parada,senti seus labios tremerem e um leve suspiro,me separei dela e pude ver lagrimas em seu rosto - amor..o que foi? - ela abraçou minha cintura e devolvi seu abraço passando as mãos por suas costas - o que foi minha princesa? - ela não respondia e só chorava - hmm? - tirei os fios de cabelo que caiam no rosto dela - conta pra mim! - disse carinhoso e baixinho

giu: eu to com medo! - ela disse encharcando minha camiseta

juss: medo de que amor? conta pra mim! - acariciei seu rosto,ela se separou de mim e me olhou

giu: ja almoçou?

juss: sim!

giu: vamos la pra cima! - eu concordei e fomos até o meu quarto,eu tranquei a porta e ela se sentou na cama,eu me sentei do lado dela

juss: pode me contar agora! - segurei sua mão

giu: eu tava meia intrigada esses dias.. - ela enxugou as lagrimas tentando não chorar

juss: intrigada com o que princesa?

giu: eu estava com um mal estar esses dias,precisava tirar minha duvida.. - meu coração deu um salto e começou a bater mais devagar

juss: voce achava que... - disse com receio

giu: sim..eu fui no médico e fiz o exame de sangue - ela despencou a chorar e meu coração disparou,ela escondeu o rosto entre as mãos se escondendo de mim,tirei suas mãos e olhei em seus olhos como um sinal pra prosseguir - me desculpa.. - ela soluçou - eu devia te entregar um sapatinho branco e sorrir - ela deu mais um soluço,deixando mais lagrimas caírem - esconder uma roupinha na sua gaveta...dizer que nós dois amamos voce e te deixar confuso..te entregar um cartão dizendo "eu te amo papai" mais..eu não posso me desculpa justin me desculpa! - ela voltou a chorar e deitou sobre suas pernas,olhei perplexo para o chão,meu mundo girava meu coração apertou..e um sorriso se formou em meu rosto.


 P.O.V Giulia

Senti uma mão tocar minhas costas,levantei a cabeça e justin me abraçou,me abraçou forte,me fazendo deitar na cama e ele ficar por cima de mim,eu chorava muito,de soluçar nem respirar eu conseguia no ombro dele..ele levantou a cabeça e me olhou sério,o medo tomou conta de mim,algo me dizia que ele ia surtar e dizer que a culpa é minha,senti o medo transparecer no meu olhar,eu parei de chorar e de respirar..o meu medo era só esse,era único,ele olhou profundamente nos meus olhos o silencio dava medo...olhei em seus lábios e levemente um sorriso se formou,ele sorriu soltando uma gargalhada gostosa e sentou em minha barriga.Um alívio imenso me invadiu,o susto me deu um choque e eu voltei a chorar de emoção,coloquei as mãos no rosto e ele as tirou

juss: oo meu amor! - ele ainda sorria,me abraçou e eu começei a dar soquinhos nas costas dele

giu: seu canalha! que susto! - ele ria e eu chorava de raiva,de felicidade,de emoção..de amor! ja viu alguem chorar de amor? acho que não só POR amor néh! haha Ele levantou e me pegou no colo me girando - JUSTIN ME PÕE NO CHÃO!

juss: essa é a melhor noticia do mundo! - ele me colocou no chão e abraçou a minha cintura,olhou pra mim e viu que eu estava mesmo sentida - me desculpa...me perdoa não queria te assustar! - eu não aguentei e voltei a chorar,ele me abraçou forte - eu amo voce! e essa não foi a melhor forma de se contar..mais foi inesquecivel! eu sou o cara mais feliz do mundo! - eu sorri e ele me beijou,sem lingua,só sentiu nossos lábios.Nos separamos e eu olhei nos olhos dele,me deu uma fraqueza derrepente ao pensar que..

giu: bieber - minha voz saiu falha - eu não..posso ter esse filho! - o sorriso do rosto dele desapareceu

juss: o que?

giu: eu não posso ter esse filho!

juss: para de dizer isso! - ele se separou de mim,sua expressão era de indignação e continha lágrimas em seus olhos

giu: pensa justin!

juss: voce não quer ter um filho meu é isso? - porque ele tem que colocar palavras na minha boca?

giu: não é isso! - disse um pouco alterada

juss: então é o que? voce ta se matando de chorar e vem me dizer que não quer ter esse filho! quer que eu pense o que? - ele se alterou tambem

giu: SABE PORQUE EU TO ME MATANDO DE CHORAR? SABE PORQUE?

juss: PORQUE? NÃO QUER SER MÃE SOLTEIRA? PORQUE NÃO QUER DAR A LUZ A UM FILHO DE UM CARA MORTO? OU SE ARREPENDEU DE TER TRANSADO COM UM DOENTE? - ele tinha raiva nos olhos,a cor de mel deles sumiram no meio do vermelho vivo..

giu: OQUE?


P.O.V Justin

 Ela colocou a mão na boca e virou de costas,minha raiva era tamanha que fui até ela e pegando em seu ombro a virei bruscamente para mim

juss: DIZ! SE ARREPENDEU? NÃO QUER TER O FILHO DO DOENTE AQUI?  - ela simplesmente olhou pra mim,seu rosto estava vermelho pela falta de ar,ela sugou o ar com força como se estivesse recuperando o folego e sentou na cama despencando a chorar.Peguei o primeiro objeto que vi na minha frente e joguei com raiva contra a parede..vi meu celular em pedaços no chão.


 HORAS DEPOIS...

Pattie: vai justin rapido! - sai correndo de casa,entrei no carro que Chaz dirigia e seguimos o taxi amarelo a duas quadras de distancia,corriamos bastante mais vários carros estavam a nossa frente,o sinal fechou na nossa vez de passar,só vi o taxi virando a esquina logo a frente.

juss: DROGA! - soquei o painel do carro


 15 MINUTOS DEPOIS...

 P.O.V Giulia

Desci do taxi..entrei na pequena porta,me dirigi por um corredor até encontrar uma moça,ela me guiou até uma outra porta,entrei e tinha varias pessoas..



 Continua.  
  
                                  22 comentários. 













sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Miiny Borges

  Oii meninas! Sou a Miiny Borges,amiga da gabi que vai postar a segunda Ib do blog,o nome é The Secret Of Love. To muito feliz de poder postar minha história pras leitoras da gabi,muito feliz mesmo e eu espero que voces gostem,vou postar Sinopse aqui embaixo e de noite posto o primeiro capitulo pra voces ook? 


"Não nascer aqui e ter que se conformar com isso ja é dificil,agora perder as pessoas que voce mais se apegou,posso garantir que é pior ainda. O bom é que 16 anos depois eu posso voltar pras minhas raizes que é bem o lugar pra onde essas pessoas foram..minhas amigas.Sabe não foi facil no começo,mais quando se fala em proposta de emprego todo mundo corre atras não é mesmo? Aqui é um bom lugar,o Brasil é colorido,é quente e tem seu charme,mais nada como o lugar que a gente sempre considerou a nossa casa.No tempo que fiquei aqui,que foi praticamente desde meus 2 anos de idade,muitas coisas aconteceram,Justin Bieber estourou na mídia e o mundo todo mudou..pra melhor é claro! Belieber como eu e minhas amigas não considero mais ninguem! Vamos ver agora como vai ser,o justin chegando e eu indo saindo :/ as novas amizades,vida nova,tudo novo! Quem sabe la eu não dou umas trombadas com o ele hein? Afinal..é o canada!"


                                                                                                         Júlia Montevick.


         É isso meninas espero que tenham gostado por enquanto! beijos e obrigada.

    

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Forever By Sy Side - Segunda Temporada - Part. 01

Estavamos em casa depois da primeira sessão de quimioterapia,justin não estava acostumado com os medicamentos e os efeitos começaram a aparecer..tontura,ancia de vomito,dores de cabeça,cansaço,são os efeitos mais comuns para pessoas em tratamento.Fomos pro quarto dele devagar e ele se sentou na cama,olhou pra mim.

juss: toma banho comigo? to precisando.

giu: claro vamos la! - sorri de lado,ele levantou e eu abraçei ele fomos até o banheiro e eu ajudei ele a tirar a roupa,essa tontura dele anda me dando medo.Entramos no box despidos e eu liguei o chuveiro na agua morna,ele entrou de baixo me abraçando,eu me molhei e ele encostou na parede,deixando a agua cair só em minhas pernas,abraçou forte minha cintura e olhou pra mim

juss: eu tenho medo... - ele fez o contorno de meu rosto com o polegar,devagar

giu: de que? - ele acariciou meus cabelos

juss: de varias coisas...medo de piorar os sintomas,medo de não der certo e de te perder! - ele fechou meus olhos delicadamente com o dedo e me deu um selinho leve

giu: voce não vai me perder! - disse suspirando,ainda com os olhos fechados

juss: e se eu morrer? eu vou perder todos... - abri os olhos e ele me olhava de perto,atentamente

giu: não diga isso amor,não vai acontecer nada disso,voce não vai perder ninguem,todos nós estamos do seu lado! - ele olhou pro meu ombro e analisou as gotinhas de agua deslizarem delicadamente até o fim do meu braço,ele parecia pensar..vi seus olhos passarem por meus seios e se fixarem um pouco ali,ele logo desviou o olhar e me abraçou,eu aproveitei e sussurrei no ouvido dele - safadinho!

juss: kkkk linda! - ele deu aquela risada gostosa - posso te dar banho? - ele me olhou

giu: quer mesmo? - fiz cara de safada,ele acentiu sorrindo - mais so dar banho voce não pode fazer esforço nenhum! - ele abriu a boca pra falar algo mais eu interrompi - e eu não posso ficar no comando! - ele abriu de novo mais interrompi de novo - eu quero! - dei uma pausa - mais não pode! - ele desistiu e me olhou triste - lindinho! - entreguei o sabonete liquido pra ele,ele pegou o sabonete depois em minha cintura e me prendeu na parede

juss: eu não vou esperar esse tratamento acabar pra isso gatinha..então se prepare! - ele me deu um beijinho no pescoço e se desprendeu de mim como se nada tivesse acontecido,eu o olhei safada ainda com o efeito sedutor dele e sorri - vem! - ele me chamou com o dedinho - vem tomar banho lindinha! - soltei uma risadinha e fui ate ele e ele me virou de costas me abraçando por tras...me lavou inteira e demorou um tempão nos meus seios..safado! A gente de divertiu bastante,ele esqueceu um pouco de tudo,foi bom.Terminamos o banho,nos trocamos e fomos la pra baixo pra comer algo ainda eram 5 da tarde,descemos e os meninos estavam na sala comendo pipoca,nos juntamos com eles e ficamos juntos até a hora de dormir,conversando,brincando,só tentando..nos conformar com a situação.

 NO DIA SEGUINTE..

Acordei com um barulho de campainha,abri os olhos e olhei do meu lado,justin ainda dormia,com a mão entrelassada na minha,ouvi um barulho na porta,era a pattie

pattie: giu! bom dia querida..

giu: bom dia pattie!

pattie: pode acordar o justin por favor? tem visita pra ele!

giu: aa...claro! - ela saiu do quarto e fui chamar ele - justin! - balancei ele - amor acorda! - ele se mecheu - amoor!

juss: hmm que foi amor? - ele abriu os olhos

giu: tem visita pra voce,levanta! - ele bocejou e se levantou meio rapido,ja foi se vestindo e saindo - amor lava o rosto! - eu abracei o travesseiro prontinha pra voltar a dormir,ouvi ele entrar e logo depois sair do banheiro,depois disso não lembro de mais nada..



   P.O.V Justin

Tava morrendo de sono,nem dei um beijinho na giu e ela ja voltou a dormir,sai do quarto e desci coçando os olhos,cheguei na sala e tomei um mini susto haha

juss: sintia? - ela sorriu

sintia: ooie! - ela veio na minha direção e me abraçou - desculpa ter te acordado!

juss: tudo bem! - eu fui andando até o sofa e nos sentamos - faz um tempinho que não te vejo!

sintia: é e voce nem me ligou!

juss: sabe como é..

sintia: eu sei de tudo! - ela fez uma pausa - sinto muito justin! - ela fez um cara sentida e se aproximou me dando um abraço apertado

juss: não sinta..por favor! - qualé as pessoas vão ter dó de mim agora?

sintia: ér... então o que anda fazendo? - ela se separou de mim

juss: levando..levando a vida! nada demais! - sorri

sintia: então vim te levar pra se divertir! voce não me ligou mais eu vim atras de voce! - ela sorriu

juss: ér...ta a gente pode combinar!

sintia: não lindinho agora! voce precisa sair de casa! - ela colocou a mão em cima da minha

juss: ér..

Xxx: vai sair justin? - giulia apareceu no pé da escada e olhou nossas mãos

sintia: sim,vou levar ele pra passear! - ela apertou minha mão e eu me soltei dela

giu: aa claro! não volte tarde justin voce tem medico hoje! - ela deu meia volta e subiu as escadas,visivelmente enciumada.

juss: ér..sintia ela é minha namorada! - disse um pouco envergonhado

sintia: voce tem namorada? - ela colocou a mão na boca,algo me dizia que ela ja sabia disso

juss: sim..e ela ficou com ciumes!

sintia: me desculpe justin! pode chamar ela pra dar um volta tambem! - pensei bem..até que poderia ser divertido,mais acho que giulia não vai querer

juss: eu vou falar com ela,espera um pouco? - me levantei

sintia: claro vai la! - ela sorriu

juss: ja volto! - subi as escadas e fui até o quarto,abri a porta e ela estava sentada na ponta da cama,com as perninhas balançando por não alcançar o chão na minha king size,o computador no colo e um sorriso lindo..que desapareçeu quando me viu - posso falar com voce?

giu: pode. - ela respondeu simplesmente fechando o computador e deixando de lado

juss: vamos dar uma volta? - me sentei ao seu lado

giu: com a vadia do avião? - ela disse seca

juss: amor..

giu: não venha me dizer que ela é legal justin! voce sabe que ela ja me ameaçou!

juss: mais isso faz muito tempo amor! esquece isso,tenta ao menos conversar com ela! - peguei em sua mão

giu: ir na onde? - o tom de voz dela diminuiu

juss: não sei..vamos?

giu: com voce..eu vou! só por voce!

juss: aham por mim! - roubei um selinho dela e ela sorriu - seu sorriso é lindo sabia?

giu: o seu tambem é lindo!- sorri pra ela e ela fitou minha boca

juss: bom dia meu amor! - soltei uma gargalhada curta

giu: bom dia vida! - ela me deu outro selinho

juss: porque estava sorrindo pro computador hein?

giu: um recado da minha tia..só isso!

juss: hmm vamos?

giu: aham! - levantamos e descemos,ja estavamos trocados mesmo,sintia conversava com ryan,que estava com a maior cara de sono

juss: bom dia cara! - dei um toquinho no ombro dele

ryan: bom dia! - giulia deu um beijo demorado na bochecha dele o abraçando de lado,e ele retribuiu fazendo carinho nela

juss: vamos?

ryan: a onde voces vão?

juss: passear!

ryan: hmm - peguei na mão da giu,sintia se despediu de ryan e saimos de casa.

 P.O.V Giulia

 Saimos de casa e justin fazia carinho em minha mão,combinamos de eu ir dirigindo porque eu não queria mesmo que ele se arriscasse,vai que da uma tontura nele.Fomos na Starbucks tomar café,ja que tinhamos acabado de acordar,na mesa eu tive que me sentar na frente de justin,porque do lado a sintia fez questão de ocupar...em 10 minutos so as vozes deles ocupavam a mesa,eu estava muda,eles não dirigiam a palavra a mim,não falavam comigo e conversavam como se fossem amigos a anos,riam e se divertiam...senti o olhar de justin sobre mim mais meu rosto estava virado para o lado,observando o movimento dos carros passarem rapidamente pela enorme janela que se encontrava do nosso lado,minhas mãos entrelassadas com o copo de café esquentavam meu corpo e meus pensamentos estavam longes,acredito que se estivesse com meus fones de ouvido dormiria de olhos abertos,ouvi justin me chamar mais estava tão distraida que demorei alguns segundos para olhar pra ele,assim que olhei ele sorria...como se estivesse tudo bem.

giu: o que? - tentei paracer normal,mais não deu

juss: ja terminou seu café amor? - olhei pra minha xícara cheia até a boca de café,e depois olhei pra ele

giu: sim. - ele sorriu e fez sinal para irmos,ele pagou e fomos pro carro. Pousei minhas mãos sobre o volante - a onde vamos?

sintia: para a onde biebs? - senti meu rosto esquentar

juss: para..er...que tal o shopping?

sintia: ótima ideia! - suspirei e começei a dirigir..

  ...

No shopping não foi diferente,eles andavam juntos,conversavam,olhavam as vitrines e faziam comentarios de tudo,e eu sempre a metros atras.Justin estava se divertindo e isso era recomendação médica..diversão. Eles me excluiram,me sentia totalmente..er..ignorada.Deixei eles andando e sentei em um banco perto da saida,eles teriam que passar por ali pra ir embora e eu iria esperar,observava tudo e todos..nem sei quanto tempo fiquei ali,só sei que um tempão depois alguem sentou ao meu lado

Xxx: ta tudo bem com voce? - uma voz grossa disse,sai de meus devaneios e olhei pra pessoa,era um menino,bem fofo loirinho de olhos verdes,sorri de lado

giu: sim porque?

xxx: não parece..

giu: ta tão na cara assim?

xxx: aham! - ele sorriu de lado

giu: qual seu nome garoto gentil? - ele deu uma risada

xxx: Bryan! e da moça linda?

giu: Giulia! - sorri

bryan: então giulia..porque esta triste?

giu: não estou triste não..só pensando!

bryan: haha então ta! - ele olhou pra frente - ta vendo aquela menina? - ele apontou pra uma de cabelos pretos e longos,que estava entretida em uma vitrine,tomando sorvete

giu: sim!

bryan: minha namorada.. - ele sorriu bobo - ela parece bem não é?

giu: sim muito bem! - parecia mesmo - porque?

bryan: ela esta doente! - ele fez uma cara triste

giu: doente? o que ela tem?

bryan: ela sofreu um acidente um tempo atras e esta com anemia - olhei a garota e foi quase impossivel de acreditar nisso - tenho que dar apoio a ela e por isso a trouxe aqui..ela precisa se distrair! - justin me veio a cabeça - ela esta muito vulverável,não sei o que faço se ela morrer...- fiquei observando ela e milhoes de pensamentos me vieram a cabeça..uma lagrima caiu e bryan me olhou assustado - o que foi?

giu: meu namorado..ele tem cancer no cérebro! - olhei pra ele deixando mais lagrimas caírem

bryan: eu sinto muito..muito mesmo!

giu: e eu..trouxe ele aqui porque ele tem que se distrair

bryan: e cade ele?

giu: andando..ele ja volta! - voltei olhar pra garota

bryan: olha eu tenho que ir,ja esta na hora de ir embora,ela não pode ficar muito tempo andando! - eu olhei pra ele - foi um prazer te conhecer e..sinto muito pelo seu namorado!

giu: tudo bem..o prazer foi meu Bryan! - ele me de um beijo na bochecha e se levantou indo em direção a garota,eles ficaram um tempo conversando,eles começaram andar e ela trombou com ele derrubando todo o sorvete na camiseta dele,eles começaram a gargalhar e ela correu limpar com a mão,mais ele não deixava,o chão ficou todo sujo e eles rindo que nem loucos...loucos apaixonados.Eles estavam fazendo a maior zona e derrepente eles pararam assim que avistaram o segurança se aproximar,ele saiu correndo mais ela com toda delicadeza andava na ponta do pé tentando não pisar no sorvete derretido do chão,ele parou,olhou e sorriu assim que viu, voltou e pegou ela no colo ela deu um grito seguido de mais risadas..eles não estavam se importando com nada,com ninguem..só queriam aproveitar,aproveitar o amor deles mesmo com as dificuldade e era só isso..que eu queria fazer,mais que eu sabia que de agora em diante..seria quase impossivel.



   Horas depois...


juss: posso entrar? - ele bateu na porta do quarto

giu: pode! - respondi deitada na cama,que estava me acolhendo a algum tempo,justin entrou e se sentou ao meu lado,arrumando meu cobertor

juss: o que aconteceu com a minha princesa? - ele disse prestativo

giu: nada..voce ta bem?

juss: sim..eu estou e voce? quero saber de voce!

giu: não eu não estou - me encolhi

juss: o que foi amor?

giu: voce não percebeu?

juss: o que?

giu: o nosso passeio..quer dizer,o seu e da vadia do avião!

juss: voce não consegue chamar ela de sintia?

giu: não! - disse seca - porque me ignorou daquela forma justin? porque me excluiu? não percebeu que eu deixei voces sozinhos e fiquei mais de uma hora sentada que nem idiota? - minha voz ja era de choro

juss: amor..eu não quis te excluir! - ele pareceu triste

giu: mais excluiu justin..voce não me deu mais atenção apartir da hora que entramos no carro!

juss: me desculpa!

giu:o que tanto voces conversavam que voce ria tanto,que voce gargalhava? - me sentei na cama

juss: não quero brigar com voce amor! - ele levantou sentando no sofá que tinha ali do lado - me desculpa eu não queria,eu me distrai eu só estava me divertindo eu não quis te excluir voce sabe que não!

giu: voce..

juss: eu errei! eu sei que eu errei mais eu não quero brigar com voce!

giu: voce gosta da compania dela!

juss: ela é uma boa pessoa mais..nenhuma compania me faz tão bem quanto a sua!

giu: voce não tem idéia do quanto isso me magoou justin! - ele se levantou e sentou do meu lado,seus olhos marejados de agua se encontraram com o meu..e tudo ficou mais intenso.

juss: eu..te amo! voce agora e a minha vida,o que me deixa vivo! eu não desisti de mim por voce e eu não quero..não quero brigar com voce!

giu: voce sabe que eu não gosto dela - ele continuou olhando pra mim - ela me ameaçou,disse que faria de tudo pra tirar voce de mim..a sua atenção ela conseguiu,o que mais ela vai conseguir hein?

juss: ela não vai me tirar de voce! quem vai querer um cara morrendo?

giu: eu quero! porque esse cara é voce.. - uma lagrima caiu do olho dele - e é só voce que eu quero justin!

juss: eu sou seu!

giu: me de a certeza por favor

juss: o que eu tenho que fazer?

giu: voce sabe..

juss: então eu prometo! - eu abraçei ele com todas as minhas forças - eu te amo! - ele sussurrou no meu ouvido

giu: eu tambem amo voce!

   Ele se separou de mim e me beijou profundamente,ele entrelassou seus dedos em meu cabelo,puxando eles levemente,foi ficando intenso e gostoso,me rendi aos encantos dele e deixei ele me levar pro seu colo,fiquei de frente pra ele ainda o beijando,paramos o beijo e ficamos segundos nos olhando,eu sorri acentindo e ele retribuiu o sorriso,levou uma mão a barra da minha blusa e a puxou lentamente pra cima,me deixando só de sutiã,ele fez o contorno da minha silhueta  com as mãos e depositou um beijo no meu ombro,me olhou sorrindo e abaixou delicadamente a alça do sutia pra baixo,me analisando com cuidado,abaixou a outra e eu mesma abaixei o sutia deixando meus seios a mostra,ele abriu o feixe e o jogou longe,juntou eles com as mãos e passou a lingua no meio,me arrepiei e ele sorriu,agarrou minha cintura e me deitou na cama,desabotoando minha calça e a tirando junto com sua calça,coloquei os braços pra cima deixando ele fazer o que quiser comigo,ele tirou minha calcinha e depois sua cueca,seu membro ainda não estava ereto mais começou a dar sinal de vida,ele abriu minhas pernas e começou a lamber e chupar minha intimidade,eu enfiei a mão em meus cabelos e mordi os labios me deliciando na situação,ele fazia muito bem e me deixava louca,eu ja estava muito excitada e gemia baixo,ele parou e deitou do meu lado,se apoio no cotovelo e me beijou,colocou sua mão la e continuou me acariciando e eu gemia no beijo,ele estava gostando e parou de me beijar so pra me ver gemer,ele continuou mais rapido agora e ficou bem perto do meu rosto me olhando com uma cara muito safada,eu fechei os olhos e gemi..gemi,e ele me olhando,eu sabia que aquilo estava excitando ele e continuei,ele foi parando e me penetrou com um dedo,eu contrai um pouco por conta do prazer e ele foi indo rapidinho,eu não aguentei e gemi mais alto,me contorci e agarrei no orgão dele ereto agora,ele arfou e parou,subiu em cima de mim e me beijou devagar,minha respiração estava muito rapida,ele colocou os cotovelos perto do meu ombro um pouco acima perto do pescoço e agarrou meu cabelo,minhas mãos foram pras costas dele acariciando,ele continuou me beijando e senti me penetrar,dei uma leve mordida no labio dele e ele olhou pra mim

juss: awwnn menina malvada! - ele disse arfando por conta da penetração,eu sorri e ele continuou devagar - hmmm - ele gemeu perto da minha boca,e dai eu me excitei mais,a voz dele me excita,me seduz é uma delicia esse menino! Ele foi indo rapido..rapido..ele afundou o rosto no meu pescoço e eu mordi o ombro dele o fazendo gemer mais,eu desci minha mão e apertei a bunda gostosa dele,eu gemi e deixei minha mão em sua cintura acompanhando os movimentos me deixando mais louca ainda,ele beijava meu pescoço me fazendo arrepiar até a espinha,senti as paredes da minha vagina contrair e ele ir mais rapido,eu estava chegando ao orgasmo e ele pelo jeito tambem,me senti relaxar e minhas pernas estremecerem,eu amoleci e dai eu ja tinha atingido o orgasmo,soltei um "awwnn" bem alto no pescoço dele,ele continuou e segundos depois ele deu uma entocada forte e junto veio seu liquido,dei um gemido forte e ele relaxou,olhou em meu rosto e me beijou..continuou me penetrando devagar,bem devagar..até que ele saiu,não deitou ao meu lado ainda ficou por cima de mim,me distribuindo beijinhos - eu te amo sabia? não sei o que faria sem voce..sem seu corpo!

giu: amo voce tambem,voce é o meu delicia! - ele sorriu

juss: seu delicia? hmm  - nós rimos e dai sim ele deitou - vem aqui vem! - ele me chamou carinhoso pra deitar no peito dele,eu deitei e ele fez carinho em mim

giu: a gente não podia..

juss: eu to bem!

giu: tenho medo amor..

juss: relaxa linda! - ele beijou minha cabeça,olhei no relogio e eram oito da noite..estava com sono... - dorme amor.. - ele disse baixinho e sua voz ja estava longe - eu te amo! - ouvi ele sussurrar e eu..dormi.


 1 SEMANA DEPOIS...

 A uns 4 dias eu venho me sentindo indisposta,eu acompanhei o justin na sessão de quimio mais não aguentei ajudar ele depois aqui em casa,pattie e os meninos fizeram isso por mim,ja passou tanta coisa na minha cabeça a nossa ultima transa me atormenta,eu ando com enjoos e meu medo aumenta,espero justin dormir pra chorar de desespero,não deixo ninguem ver eu roer unhas e tento ser discreta,mais minha vontade é de gritar de chorar! Eu ja ando sensivel por causa do justin e isso ainda? Na escola ta sendo mais dificil,não presto atenção nas aulas e tirei zero na prova de biologia por não saber nada..absolutamente nada!
       Hoje é terça- feira,3 horas da tarde,justin teve uma sessão no sabado e agora vai ter uma amanha,acho melhor ir tirar a minha duvida..fui ao hospital pra fazer exame de sangue e ver se eu estou mesmo gravida,cheguei la e fiz,fiquei na sala de espera porque a moça disse que o resultado sairia na hora,logo ela apareceu

enfermeira: Giulia...er..- ela olhou no envelope - Sunshbeck? - eu me levantei e fui até ela - aqui seu resultado!

giu: obrigada! - sorri de canto,peguei e sai dali,fui pra frente do hospital e o sol estava forte,forçei a vista e sentei no banco ali da frente,fitei o envelope forçando mais a vista,porque ele era branco e deu reflexo no sol,resolvi da um fim nisso e abri..tirei a folha de la ee...


 Continua!

       Sei que não ta grande como prometi mais é que ontem morreu um menino na minha escola,o muro caiu em cima dele e ele morreu...e hoje aconteceu uma outra coisa pessoal que mexeu muito comigo! pesso desculpas mais é que eu to muito mal e estou de luto...amo voces!

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Finalmente!

Meninas eu sei que voces querem me matar mais é que todos esses dias que eu fiquei sem postar era porque eu estava em semana de prova,e como é final de ano tive que me empenhar mais,eu não abandonei voces e eu vou sim postar,minha semana de prova acabou hoje então meu prazo pra postar é hoje! por favor eu sei que demorei e pesso desculpas mais não me matem please! hehe beijos.

domingo, 27 de novembro de 2011

AVISO.

 Meninas sei que estou demorando pra postar mais pra quem tem blog,sabe que não é nada facil escrever um capitulo..principalmente um BIG capitulo neh! Eu estou fazendo aquele capitulo que ocupa a pagina toda e preciso de um tempinho porque até escrever e editar demora um pouco!
    Alem de começar a segunda temporada da minha Ib vai ter outra,isso mesmo vão ser duas postadas aqui,porque uma amiga me pediu pra postar a ib dela aqui e eu vou fazer isso,então recebam essa outra ib como um presente,pra agradecer toda a atenção e carinho que voces me deram durante a A dream e a Forever By My Side. Essa minha amiga é nova na area de blog,de ibs e tals então posso contar com o carinho de voces? Ela mesma vai postar aqui e vai funcionar assim...só terá Forever By My Side se tiver comentários na Ib dela tambem! mais isso eu falo depois..desculpa por estar demorando,mais pelo capitulo que eu to fazendo vai compensar bastante! obrigado lindas..amo voces ♥

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Forever By My Side - Part. 30 (ULTIMO CAPITULO) - O inicio...

Bom meninas como voces podem ver esse é o ultimo capitulo da 1ºtemporada e vai sim ter a segunda ook? Vou pensar direitinho se eu faço uma IB depois dessa pra só depois fazer a segunda temporada ou não! obrigada por tudo!

.........................................................................................................................................................................

Antes: (...) ele te ama a esse ponto giulia...pensa filha,pense bem! - fiquei sem reação,terminei meu café meia surpresa e fui pra escola..



Agora... 


 Cheguei na escola e todos olhavam pra mim,tinha me esquecido como é estar na escola,fui entrando e a pior coisa do mundo era chegar e entrar sem eles..sem o meu quarteto lindo,sem Chaz e Ryan com a mochila num ombro só aproveitando os olhares e olhando pras meninas que eles falavam que eram "gatas" sem Chris pra dizer besteiras e Justin pra me abraçar...eu me sentia sozinha.Entrei na sala de aula e sentei no unico lugar vazio na fileira do canto,era aula de biologia e eu não entendia nada o que a professora dizia, "2° ano não é fácil" pensei comigo,até sentir uma mão em meu ombro virei pra tras e era a garota que sentava atras de mim

Xxx: heey voce é nova néh? - ela era morena com o cabelo liso e olhos escuros,ela até que era bonita mais em só alguns aspectos

giu: eu acho que a pergunta é pra voce! - ela me olhou estranha - eu estudo aqui a anos..nunca te vi!

Xxx: aaa então ta! - ela riu - meu nome é Emma...Emma Marshall,prazer! - ela esticou a mão pra mim e eu peguei sorrindo

giu: Giulia Sunshbeck!

Emma: eu sou mesmo nova aqui,mais eu nunca te vi..

giu: estou começando o ano agora - ri pelo nariz - mais estudo aqui desde a 7ª série...e as pessoas nunca mudam haha

Emma: conhece todos aqui?

Giu: de vista sim! a escola inteira kkk agora de conversar quase nenhum!

Emma: entendo! haha - ela sorriu ela era bem simpática,no decorrer da aula a gente conversou um pouco e a professora pediu para sentarmos em duplas,ela veio do meu lado e veio com um papo bem conhecido por mim.. - soube a um tempo atras acho que umas duas semanas,que o grupo mais conhecido da escola se mudou...ouvi dizer que eles eram populares mais muito fechados e de poucos amigos..mais que os meninos eram gatissimos e a menina,a mais bonita eleita pela escola,voce deve conhecer se estuda aqui muito tempo!

giu: grupo mais famoso? - olhei bem pra ela - os 4 meninos e a menina?

emma: parece que sim..é eles mesmos! pelo que falam eles eram sinistros.. - ela me olhou com um olhar curioso

giu: não eram sinistros,eram pessoas normais!

emma: conhece eles?

giu: eu sou a tal menina! - ela me olhou surpresa..nossa! devem falar coisas horrendas de nós hein --'

emma: nossa! dizem coisas horrendas sobre voces! - aff'

giu: é e que tipo de coisas?

emma: ouvi falar que voces até fumavam droga!

giu: eles não tem mais o que inventar! ninguem conversava com nós eu nao sei se as pessoas tinham medo ou vergonha,só sei que não tinhamos amigos! 3 dos meninos faziam parte do time de basquete e 1 do time hóquei e são realmente lindos! mais ninguem nos conhecia pra dizer algo..ninguem sabia mais que nossos nomes!

emma: e voces não faziam amigos? nem os meninos que eram de times populares por aqui? - ela pareceu cada vez mais interessada

giu: eu fazia parte do gremio estudantil e nem por isso falava de mim em certas reuniões..os meninos iam pra quadra,jogavam e saiam para o vestiário sem conversar com ninguem,não sei o que é ter uma amiga e nem eles,vivi entre os quatro...a gente não gostava das pessoas daqui,eu ainda não gosto e eles inventam boatos justamente por sermos assim...é tudo mentira!

emma: e cade os meninos?

giu: os quatro ja terminaram a escola,3 mudaram de estado e 1 continua aqui..ele é meu namorado!

emma: nossa..que massa! - ela disse empolgada - nada do que me falou se encaixa com as fofocas..

giu: ninguem sabe da verdade emma..por isso

emma: qual o nome deles?

giu: chris,chaz,ryan e justin.

emma: legal... - ela sorriu encantada (what?) e o sinal bateu,levantei e fui caminhando até a porta sentindo os famosos olhares sobre mim,fui até a cantina e avistei a nossa mesa..aquela que sentavamos para conversar e sorri,esperei a escola entrar no refeitório e reparei que ninguem,absolutamente ninguem sentou la.Caminhei até la e me sentei colocando os fones de ouvido e todos olhavam pra mim,avistei Emma em uma mesa com o grupo de meninas que eu nunca gostei olhando pra mim "ótimo,eu só achei que tinha feito uma amiga" pensei e me apoiei na mesa e tinha alguns escritos a lapis "giulia gostosa" "chris fofuxo" revirei os olhos e "justin gostosão" fiz sinal negativo com a cabeça e me debruçei na mesa...agora iria dormir até bater o sinal novamente,era bom estar de volta.


                                                       ...

O sinal para ir embora bateu e eu sai da escola,fui caminhando até em casa..almoçei,tomei um banho e fui até a casa de justin iria conversar com ele,cheguei e toquei a campainha,justin abriu sem camiseta e com uma bermuda preta,ele ficou olhando pra mim e eu me aproximei pra um abraço,ele entendeu e me abraçou cuidadosamente,me apertando contra seu corpo me fazendo sentir seu corpo quente

juss: me per... - interrompi ele

giu: shiii - me soltei um pouco dele ainda ficando grudadinha com ele e coloquei o dedo indicador em seus labios - não precisa - sussurrei - eu que tenho que me desculpar..

juss: não tem não e mesmo se tivesse eu ja te perdoei,eu sempre te perdoo meu amor! - dei um selinho nele bem demorado e bem gostoso,ele soltou só um pouquinho seus labios dos meus ainda os deixando a milimetros - senti saudades... - ele olhava nos meus labios e depois nos meus olhos

giu: eu tambem! - sussurrei igual ele,ele me deu outro selinho,que foi se formando em um beijo lento e molhado,sua lingua passava na minha boca bem devagar,aproveitando ao maximo o momento,meus dedos puxavam de leve seus cabelos e as mãos dele apertavam minha cintura subindo pras costas,fazendo uma massagem deliciosa,não queriamos parar mais o beijo ja estava ficando muito molhado,ar nós tinhamos pois o beijo era lento e dava pra respirar a vontade haha Ele parou me deu dois selinhos estalados e me abraçou bem forte

juss: vamos entrar! - ele disse baixinho e a milimetros de meus labios me dando varios selinhos rapidinhos,ele entrelaçou nossos dedos e entramos

giu: esta sozinho?

juss: aham! minha mãe foi..- ele pareceu triste

giu: o que foi? - fiquei de frente pra ele,que abraçou minha cintura nos juntando

juss: ela foi comprar uns bonés pra mim! - ele sorriu fraco,eu não fiz nada só abraçei ele mais uma vez - e os meninos foram... - senti lagrimas nas minhas costas - foram ao mercado pra minha mãe..todos juntos! - ele tentou parar de chorar,mais eu olhei nos olhos dele

giu: chore...pode chorar! é bom e eu estou aqui com voce! - ele sorriu e se deixou chorar no meu ombro,chorava e chorava...e eu só escutava,dando o tempo dele.Sentamos no sofá e ele me abraçava forte,chorou mais um pouco e enfim eu vi que ele ja tinha terminado de colocar pra fora,ainda fiquei calada e liguei a Tv,coloquei num progama de stand up e em minutos ja se ouvia as risadas dele,a gente ria bastante,aquele cara era muito bom! hehe Os meninos chegaram e me deram um beijo na bochecha demorado e ficaram ali na sala com a gente,logo pattie chegou e veio falar com a gente

pattie: oi gente! - ela olhou pra todos nós - é bom ver voces reunidos! - nós sorrimos

juss: marcou mãe?

pattie: sim!

ryan: oque?

pattie: a primeira sessão de quimioterapia!

chris: vai da tudo certo! - ele sorriu confiante me fazendo sorrir tambem

juss: mais..marcou a outra coisa? - ele pareceu aflito

pattie: marquei sim!

ryan: oque? - todos nós olhamos com cara de tédio pra ele e ele deu um sorrisinho

pattie: o cabeleireiro! - olhei pro justin que brincava com as minhas mãos e dei um beijo na bochecha dele

juss: pra quando?

pattie: amanha!


 NO DIA SEGUINTE...

Dormi na casa do justin pra eu ir junto no cabeleireiro,acordei com ele agarrado em mim,olhei pra seu rosto e ele ja estava acordado,sorrimos e nos beijamos,levantamos e nos arrumamos,tomamos café e saimos eu,pattie e justin.No carro justin foi o caminho inteiro calado,encostado no vidro do carro olhando as casas e prédios passarem rapidamente,me doía o coração e sei que não adiantaria eu dizer nada e nem fazer nada,só ele pra entender a dor que ele esta passando...chegamos a um prédio lindo,era o salão onde pattie frequentava,entramos abraçados e pattie foi falar com um homem,ele veio até nós

Xxx: bom dia! meu nome é Freddie e sou o cabeleireiro da pattie,voce deve ser o filho dela... - ele apertou a mão do justin - e voce a namorada dele! - ele me deu um beijo no rosto

juss&giu: prazer! - sorrimos de lado

freddie: podem me acompanhar! - ele foi caminhando até uma parte do salão que estava mais ou menos vazia,estava lotado mais eu acho que por pedido da pattie ele reservou um espaço - pode se sentar aqui justin! - ele apontou pra uma cadeira de frente pra um espelho que ocupava a parede inteira,eu e pattie ficamos do lado um pouco atras,freddie colocou uma capa nele - está pronto? - ele perguntou para justin que fez sinal positivo com a cabeça,freddie ligou a maquininha e meu coração apertou,justin olhava pra si mesmo fixamente,ele abaixou um pouco a cabeça de justin e posicinou a maquina na nuca dele,fez um caminho até a testa de justin..e mechas de cabelo caiu no chão deixando aquela parte completamente sem cabelo,justin ergueu a cabeça e vi lagrimas molharem seu rosto,freddie passava e passava aquela maquina na cabeça dele,deixando cair mechas e mais mechascair no chão..eu ja me emocionava e pattie tambem,freddie terminou a nuca dele e desligou a maquina,justin ainda não tinha se visto,ele levantou a cabeça e se olhou..aquilo foi a gota d'agua pra eu começou a chorar mais ainda,os olhos de justin transmitiam tristeza,uma ultima lagrima caiu até ele sacudir a capa para cair os fios que tinham ali em cima,a tirou e levantou,me olhou e entrelaçou nossas mãos,colocou o boné tortinho pro lado e disse

juss: vamos? - não tinha o que falar,abraçei ele de lado e fomos andando até a saida..ele encostou no carro e abriu um pouco as pernas,me puxou e eu fiquei no meio delas,olhei nos olhos dele - não precisa dizer nada..eu to feio mesmo!

giu: para com isso..voce é lindo de qualquer jeito! - acariciei seu rosto

juss: mesmo com cabeça de ovo?

giu: mesmo assim! - ele me beijou com todo seu amor e carinho,logo pattir chegou e entramos no carro,fomos indo pelo caminho de casa até pattie desviar

juss: a onde vamos mãe?

pattie: para o hospital ué!

giu&juss: hã?

pattie: eu não te avisei?- ela arregalou os olhos pelo retrovisor

juss: o que mãe? - ele perguntou impaciente

pattie: é hoje a primeira sessão de quimioterapia filho!

juss: oque? - ele disse bravo

pattie: por isso que a gente veio cedo no cabeleireiro..desculpa pensei que tivesse te avisado!

juss: como voce faz isso mãe? eu tinha que me preparar entende? me preparar não acha que é muita coisa pra mim não? ja não acha que eu to sofrendo demais? - eu abraçei ele tentando acalma-lo

giu: quanto antes melhor justin.. - tentei amenizar a situação e parece que funcionou - calma,a gente ta junto lembra? - ele acentiu e deitou em meu colo,chegamos no hospital e justin estava muito assustado,o médico nos atendeu e justin estava completamente assustado,ele nos encaminhou a uma sala e tinha uma enorme poltrona que se inclinava pra tras,ela tinha braços largos que pareciam mesinhas e tinha alguns equipamentos do lado esquerdo dela

Cooper: pode se sentar! - ele apontou pra poltrona,justin me olhou e me abraçou

giu: voce vai ficar bem! eu vo ficar aqui do seu lado..sempre!

juss: eu te amo!

giu: eu tambem te amo minha vida! - ele me deu um selinho e pattie o beijou tambem,ele se sentou e recostou,uma enfermeira veio e pediu o braço esquerdo dele,limpou com alcool e amarrou o braço dele com um elastico,furou com uma agulha e depois pegou uma siringa,injetou algo na bolsa de soro que estava ligada naquela agulha e depois olhou pro justin

enfermeira: voce vai ficar aqui até o soro acabar tudo bem? eu venho de uma em uma hora pra injetar os outros medicamentos...vai ser normal sentir tontura,não se assuste são só medicamentos,eles vão matar as células doentes fazendo assim o processo de tratamento para o cancer! - ela saiu da sala e eu e pattie nos sentamos.

Justin ficou ali por quatro horas...teriamos apartir dali varias e varias sessões,apartir daquele dia começava o precesso de tentativa..para salvar justin.


Fim da primeira temporada meninas :( calma que jaja vem a segunda haha iai gostaram? eu choreeeeeei tadinhooo! :/não vou colocar numero de comentários mais espero muitos pra poder começar a segunda,conto com voces! beijo e amo voces!

Selo e Indicações.

Gente ganhei da Just Life With Bieber um selinho *-* faz tempo que eu não ganho e fiquei feliz de ter ganhado haha Tenho que passar pra 5 blogs então la vai :











Indicações: www.biebsseduz.blogspot.com <--- Sigam o blog dessa linda gente *-* e visitem a conta da fofa da Daniela no you tube http://www.youtube.com/user/nsndaniela?feature=mhee


OBS: Quando chegar a 100 seguidores eu prometo fazer um capitulo que ocupe a pagina inteira,obrigado a todas que me seguem *-*



segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Forever By My Side - Part. 29 (Penultimo capitulo) - Estamos distantes..

Antes: (...) juss: não vou Giulia! eu não raspo a minha cabeça!


Agora...


     Admito que me alterei um poucou,mais na minha cabeça isso é um absurdo,tudo esta perdido pra que continuar tentando? ja não tenho mais esperanças e não quero ter depois dessa noticia.


  P.O.V Giulia

  Ja não estava mais chorando,me assustei de verdade com a reação dele nunca pensei que justin fosse recusar o tratamento.

giu: vamos embora justin! - disse rude com ele,ja estava perdendo a paciencia,peguei no braço dele e Pattie se levantou junto - obrigado doutor,eu ligo depois. - ele concordou e eu fui arrastando justin pra fora da sala- esse seu comportamento é ridiculo justin!

juss: não é ridiculo ja disse que não vou fazer! - ele tentava se soltar mais eu sei la da onde tirei força só sei que estava puxando ele e Pattie pequena do jeito que é quase corria pra nos acompanhar

giu: voce vai fazer ou eu não respondo por mim justin bieber! - parei no meio do hospital - voce acha que vou deixar voce morrer sem ao menos tentar? - gritei com ele - ou voce faz ou voce esqueça da minha existencia entendeu?

juss: AÉ? E QUEM VAI ME OBRIGAR? - ele disse gritando perto do meu rosto,meu olhos se encheram de lagrimas

giu: a vida é sua..- sussurrei - faça o que quiser dela! - soltei o braço dele e caminhei rapidamente até a porta com uma placa enorme escrito "EXIT" sai de la e chamei o primeiro taxi que passou na minha frente,voei pra casa do justin..cheguei la e não tinha ninguem,ultimamente os meninos passam o dia fora de casa praticando algum esporte,fui até o quarto do justin e estava cheio das coisas dos meninos,eles estão dormindo aqui pra dar força ao justin e foi realmente dificil achar minha mochila,peguei ela e desci as escadas estiquei minha mão pra abrir a porta de entrada e ela se abriu com o justin atras dela com a maior cara de bravo,ele passou por mim e depois parou olhando pra tras

juss: pegou sua mochila? - ele olhou pra minha mão - ótimo! - ele subiu as escadas e eu abaixei a cabeça,pattie me abraçou

pattie: não ligue para o que ele fala,ele esta alterado ele vai aceitar querida!

giu: quantas vezes não fiquei alterada - pattie se soltou de mim - e ele era a ultima pessoa que pensava em tratar mal. - sai de la e fui indo pra casa a pé ja que é perto,quando cheguei na esquina vi com carro branco escrito "POLICE" bem grande na frente de casa - meu Deus! - disse e fui mais rapido até la,dois policiais estavam conversando com meus pais no caminho de concreto que tinha da calçada até a varanda,cortando o jardim verde de minha mãe,cheguei mais perto e meu pai que me abraçou pelo ombro

Rob: aqui esta ela! - olhei confusa para meu pai - os policiais querem saber o porque a falta de frequencia na escola filha! mais ja contamos tudo

Policial: sua escola - um deles olhou pra mim - estava començando achar que voce a abandonou e pela lei estamos aqui,voce tem 1 semana para normalizar sua frequencia ou sera expulsa por não frequenta-la tudo bem?

giu: claro!

policial: Sr. Sunshbeck pode ficar com esta via de que viemos aqui e desculpa qualquer transtorno. - ele entregou um papel para meu pai

Rob: tudo bem,ja esta tudo resolvido obrigada. - eles apertaram as mãos e os policiais entraram no carro sumindo na esquina - tem que começar a ir pra escola filha!

giu: eu sei pai..se bem que as coisas vão ficar mais complicadas agora..

kate: como assim filha? - me afastei de meu pai que abraçou minha mãe

giu: o cancer do justin é maligno.. - minha mãe colocou a mão na boca assustada e meu pai arregalou o olho - e ele não quer fazer quimioterapia,acabamos de brigar.. - abaixei a cabeça - ele não ouve ninguem! - deixei minha mochila que estava presa em um ombro só deslizar até minha mão e fui carregando ela assim até meu quarto,me atirei na cama e fiquei la..pensando sem forças ao menos para chorar.


NO DIA SEGUINTE...

  Quarta-feira dia de tédio para quem não frequenta a escola a mais ou menos 5 meses.Acordei com a casa naquele clima de sabado chuvoso,minha mãe foi trabalhar e meu pai tambem...sozinha.
   Meu café da manha foi triste,mais não tão monótono quanto o almoço...ainda consegui dar umas risadas no progama de comédia das 3 hrs mais não consegui mais que isso..olhava meu celular completamente mudo em cima da mesa de centro e lamentava a solidão.Minha vida inteira fui rodiada dos 4 meninos...depois ficou só 1 mais quando nem esse "1" se tem,a vida fica bem triste.Os meninos estão aqui,bem proximos de mim mais mesmo assim sinto eles distantes,o silencio mortal da minha casa ecoado pela tv foi quebrado quando a campainha tocou....

chaz: ooi! - ele disse triste ao perceber minha expressão

giu: ooi! - respondi da mesma forma olhando os meninos atras dele,ele me abraçou e depois entrou,um por um me comprimentou e sentamos no sofá

chris: nossa...que casa silenciosa!

giu: ér...

ryan: a gente veio aqui se desculpar! - o meu grudentinho me abraçou,se é que ainda posso chama-lo assim..

giu: pelo que? - olhei pra todos devolvendo o abraço quente de Ryan

chaz: por te deixar! - ele olhou nos meus olhos - a gente ta aqui a muito tempo sem ao menos te curtir...sei la! a gente ta muito distante como se voce não fosse tão especial como é!

giu: tudo mudou Somers! voces mudaram,o jeito de voces não é mais o mesmo,nem sei se voces ainda gostam das mesmas coisas!

chaz: a gente não mudou!

giu: mudaram!

chaz: não! a gente ta aqui pra mostrar isso pra voce,não foi a merda da Carolina do Norte que mudou a nossa personalidade! - ele pareceu um pouco alterado

giu: a não? voces ficarem o dia inteiro fora,com os seus "amigos" sem ao menos me mandar uma mensagem ou uma ligação não é coisa que aqueles 3 meninos fariam a um tempo atras! - disse séria e chaz encostou no sofá

ryan: ér... o que acha de sair hoje a noite? sei la..os velhos tempos!

giu: não da..

chris: porque?

giu: voces por acaso viram o justin hoje?

ryan: não!

giu: então eu acho melhor voces irem ver ele...

chris: o que tem ele?

giu: sugiro uma visita!


  1 SEMANA DEPOIS...

 Assim como eu os meninos não reagiram tão bem,ficaram extremamente abalados e super tristes,eu não falo com o justin a 1 semana..desculpas é o que ele mais pede por mensagens mais esse é o castigo dele,pra ele ver que ele precisa do tratamento e de como as coisas vão ficar ruins sem ele..hoje é terça feira,6 e meia da manha...escola! Desci as escadas e fui tomar o café da manha,meus pais ja estavam na cozinha e como de costume eu fiz a santa pergunta que me rodiava a uma semana

giu: o justin esta bem mãe?

kate: do mesmo jeito..triste! - ela disse colocando suco no meu copo

giu: vai saber pelo que néh.. - me referi ao cancer e a nossa briga

Rob: não acha injusto ter brigado com ele giulia? o menino pode morrer e voce ainda brigou com ele...

giu: não briguei porque quis pai,briguei porque ele não aceita as tentativas de ser salvo,quer desistir facil assim...

kate: eu acho que foi só uma fase!

giu: o que quer dizer com isso? - mordi meu bacon fazendo aquele barulho crocante

kate: eu acho que se voce tivesse esperado passar o choque dele ele iria aceitar..como agora!

giu: como assim mãe? - disse ja ficando aflita

kate: pattie me disse que ele foi por vontade propria ao médico dizendo "giulia vai me perdoar,ela vai me perdoar!" - minha mãe disse sorrindo - ele te ama a esse ponto giulia...pensa filha,pense bem! - fiquei sem reação,terminei meu café meia surpresa e fui pra escola..


Continua!


                    (20 COMENTÁRIOS PARA O ULTIMO CAPITULO
                                                   e
                               INICIO DA SEGUNDA TEMPORADA)

sábado, 19 de novembro de 2011

Forever By My Side - Part. 28 - É só confiar!

Antes: (...)giu: hmmm ta bom.. - disse safada e voltamos a nos beijar



Agora...


Se eu estaria no comando...eu teria a iniciativa!


P.O.V Justin


  Ela foi me levando até a cama,me fez deitar e tirou sua roupa,ficando nua na minha frente..subiu em cima da minha barriga me beijando da sua forma mais sensual,ela percebeu que eu ja estava excitado e desceu tirando minha calça junto da minha cueca,ficou la embaixo mesmo e me olhou safada,pisquei pra ela e ela sorriu,acariciou meu penis ja ereto e foi dando beijinhos e lambidinhas,ela começou a chupar bem devagar e lambendo o maximo que podia,minha respiração ja estava começando a sair de ritmo e eu começei a ficar hiper ofegante com suas chupadas caprichadas,enquanto fazia olhava pra mim com olhar malicioso o que me enchia de prazer,ela foi parando aos poucos e eu segurei seus braços a puxando pra cima,ela veio e eu deitei sobre ela beijando seu pescoço

giu: justin voce não.. - interrompi ela

juss: agora eu posso ! - sentia o prazer em minha voz,ela sorriu e eu abaixei no meio de suas pernas e fiz sexo oral nela tambem..que gemia como ninguem e se contorcia na cama.
        Fui pra cima e beijei sua boca gostosa dando mordidas em seus labios ,penetrei devagar e senti meu corpo pegar fogo,fui indo bem devagarzinho e seus gemidos começaram bem baixinhos e roucos,apoiei meus braços na cama me levantando um pouco e aumentei a intensidade da penetração e ela gemeu mais forte e mais agudo dessa vez,ela agarrou no meu cabelo e gemia bem gostoso,a cada entocada seu corpo ia e voltava pra tras fazendo seus seios esfregarem no meu peito e me levarem a loucura,ela ficou por cima e se ajeitou me deu um selinho e começou a rebolar em cima de mim...ia e voltava,ela jogou a cabeça pra tras e gemia alto arranhando meu peito me arrancando gemidos fortes,eu senti que ia gozar e agarrei nas coxas delaa a puxei e fui pra cima,fiquei de joelhos e continuei penetrando,senti meu liquido descer...descer...descer...

juss: hmmm v-vou gozar! -disse gemendo e estremeci e olhei pra ela,ela arregalou o olho e tentou me fazer sair de dentro dela indo pra cima,mais eu estava muito excitado e tava na melhor parte..acabei gozando ali mesmo e gemi alto isso é muito prazeroso,olhei pra ela e ela me olhou

giu: justin o que voce fez?

juss: oque?

giu: voce não colocou camisinha! - ela me olhou brava e eu sentei na cama DROGA! - ai meu Deus!

juss: calma as vezes.. - ela me interrompeu

giu: calma? as vezes? ta doido é?

juss: desculpa giulia eu esqueci!

giu: e eu nem pra lembra.. - ela sentou enrolada no lençol e eu me enrolei tambem

juss: me desculpa! - olhei pra ela e ela continuou brava e muda - me desculpa por favor...não foi minha intenção!

giu: eu tentei parar porque voce não parou? me viu indo pra tras porque não ajudou?

juss: me desculpa eu nem me toquei!

giu: para de pedir desculpa justin! a cagada ja ta feita né...

juss: voce fala isso como se fosse o fim do mundo! as vezes nada vai acontecer!

giu: e se acontecer?

juss: não vai Giulia! eu ja pedi desculpa,acha que eu fiz isso de proposito? hein? acha mesmo que eu quero te engravidar sendo que eu posso morrer? - ele disse bravo e me olhou no fundo dos olhos

giu: desculpa...eu so estou com medo! - abaixei a cabeça culpada

juss: tudo bem! vem aqui.. - ele me chamou com os braços abertos,abraçei forte ele e senti uma lagrima cair - o que foi amor? - ele alisou meu cabelo

giu: por favor...não diga mais que vai morrer...voce não vai! - ele me olhou nos olhos

juss: ok desculpa! - ele secou minhas lagrimas - não fica assim tudo bem?

giu: uhumm - fiquei ali com ele,agarradinha com ele até adormecer...


  2 dias de depois...   P.O.V Justin

Dois dias se passaram e chegou o dia da consulta,nos arrumamos e saimos de casa as 9 da manha pra consulta as 9 e meia..chegamos e ja entramos,Dr. Cooper entrou...

Cooper: bom dia garotão! - ele disse e eu revirei os olhos

juss: ja passei da idade Dr. Cooper! - disse e ele riu,comprimentou minha mãe e a giu e se sentou com o envelope na mão

Cooper: ja saiu o resultado...quer abrir ou eu abro? - ele olhou sério pra mim

juss: pode abrir por favor! - disse apreensivo,giulia apertou minha mão e senti que ela estava tremendo,ele tirou o lacre do envelope e tirou a folha de dentro,leu por segundos que pareceram horas e depois olhou sério pra mim

Cooper: justin ér...- certo ele não me chamou pelo apelido carinhoso dele --' algo aconteceu - seu tumor é maligno! - ele disse por fim

giu: ai não! - giulia suspirou e olhei pra ela que chorava descontroladamente com a minha mãe,por um momento me senti sem chão,era como se minha vida tivesse acabado agora...me sentia gelado e estava sem reação,minhas mãos e o corpo todo estava adormecido e sem movimento,eu só fiquei ali vendo elas chorarem e sem ao menos ter forças pra consolar elas,olhei pro doutor e sua expressão era de tristeza

Cooper: nós vamos ter que começar o tratamento de Quimioterapia o mais rapido possivel...se acontecer um milagre voce esta salvo justin...mais confie que pode sim virar o jogo,voce só tem que lutar contra isso..se voce responder bem ao tratamento,mesmo estando escrito aqui que é maligno pode se tornar algo melhor e voce ser curado! confie...

juss: eu não faço! - disse sério

Cooper: o que?

juss: não faço o tratamento! não vou raspar minha cabeça! não vou fazer!

Cooper: é preciso justin..por favor voce precisa desse tratamento!

pattie: por favor justin tenta aceitar!

juss: não faço! ja é maligno mesmo não é? ja não é um cancer feito? eu vou morrer não é? pra que tentar? pra sofrer mais?

giu: para com isso justin! voce vai fazer!

juss: não vou Giulia! eu não raspo a minha cabeça!


Continua!  

               Por favor não me matem! haha desculpa gente mais eu tive que entregar 10 trabalhos de varias matérias essa semana e ficou hiper corrido,desculpem o tamanho tambem mais é que não deu pra escrever mais! desculpem ook? eu amo voces..beijos!     

                                                                           (20COMENTÁRIOS) 
 

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Forever By My Side - Part. 27 - Obrigado por estar aqui!

Antes: (...) vem crescendo um tumor no seu cérebro e não se sabe se tem cura! - ... uma lagrima gelada caiu de meus olhos.






Agora....


P.O.V Pattie


Meus olhos queimavam pelas lagrimas e uma visivelmente fria caiu dos olhos dele,justin não fez nada,nem transmitiu emoção alguma só encostou na cabiçeira da cama e entrelaçou seus dedos olhando-os

juss: me deixe sozinho. - ele disse ja me impedindo de dizer qualquer coisa,respeitei o pedido dele e me retirei do quarto dele,indo pro meu chorar e chorar pela dor de mãe horrivel que eu estava sentindo...


P.O.V Justin

  Ela saiu do quarto e eu olhei pro meu criado mudo,la tinha uma cruz pequena de madeira atras da minha luminária,peguei ela e a olhei atentamente,a virei e nas suas costas tinha o nome da Giulia,com a letrinha dela escrito em baixo "Eu estou com voce." Meu olhos embaçaram e eu sabia que de agora em diante minha vida não era a mesma,talvez eu pudesse morrer a qualquer instante...ou demorar pra ser curado,se tiver cura...Todas as esperanças de ter a vida dos sonhos com a giu foram derrepente consumidas pelo medo de morrer e deixar pra tras todos os laços que construi...eu poderia morrer! voce tem noção disso? morrer!
  Fiquei por volta de 3 horas ali pensando e um silencio mortal reinava em casa,olhei no meu celular e eram oito da noite,disquei o numero da giu e uma foto linda dela apareceu,sorri e coloquei o celular no ouvido,logo ela atendeu

Ligação On

Giu : oi amor! - ela disse com sua voz doce,mais levemente abalada

juss: pode vir aqui? - disse meio falhado por conta de horas sem pronunciar uma palavra

giu: claro que sim!

juss: te espero então...

giu: tudo bem!

juss: te amo!

giu: tambem..

Lingação Off

 Desliguei e fui até o banheiro tomar uma ducha rapida,estava meio sujo por ter jogado basquete hoje,tinha que estar cheiroso para  minha namorada...sai e coloquei só uma calça de moletom,me joguei na cama e fui secando meu cabelo com a toalha até alguem bater na porta

juss: entra! - disse alto,ela entrou e sorrimos fraco um para o outro,ela fechou a porta e ficou olhando pra mim,eu bati na cama e ela veio e se deitou ,abraçei ela de lado e ela olhou em meus olhos,fiquei fitando seus olhos e ela ficou fitando os meus,sabia que estavamos tendo uma longa conversa por olhar,ela me dizia claramente que iria me ajudar,que eu iria superar e que ela estaria do meu lado...a unica coisa que eu dizia a ela era "obrigado por estar aqui" Meus olhos se encheram de lagrimas e uma deslizou até minha boca,eu fechei os olhos e senti ela me abraçar,era tudo o que eu queria,tudo o que eu precisava naquele momento,dela! só dela e de ninguem mais...Só ela me deu e sempre vai me dar a maior sensação de alivio e bem estar que eu ja pude sentir.

giu: eu vou estar sempre do seu lado até o meu ultimo minuto!

juss: em qualquer lugar que eu esteja? - lagrimas e mais lagrimas caiam

giu: em qualquer lugar...do meu lado! pra sempre..

juss: promete? - apertei mais o abraço

giu: sim meu amor! eu prometo pra voce... - dei um beijo no pescoço dela e suspirei..

 
   2 meses depois...     (adiantei para o resultado do exame)


Meus dias vem sendo mais ou menos,giulia me distrai os meninos me divertem,a gente sempre sai pra comer alguma coisa,pra ir ao cinema..levamos meus irmãos ao parque e quando eles saem correndo eu não me encarrego de ir atras haha Sabe eu sofri muito no começo e cheguei ate ficar revoltado,mais depois a esperança de ter cura me colocou pra cima,sei que Deus esta do meu lado e eu vou dar a volta por cima..é tudo uma questao de fé! Giulia e minha mãe foram ao meu médico particular o engraçadinho do Dr. Cooper que continua me chamando de garotão ou de meninão  nas minhas consultas infernais semanais! ele é legal mais eu não sou uma criança néh! Tenho uma consulta marcada pra daqui dois dias,nesse consulta eu vou saber o resultado do exame que fiz semana passada,e saber se tem ou não cura o meu tumor...Agora ja é de noite e minha mãe por pura insistencia minha vai se divertir com meus sogros e os meninos,vai ser bem divertido pra eles,só não vou com a minha princesinha porque a gente quer um momento só nosso...

giu: amor ja são dez horas,vai tomar banho! - ela se sentou do meu lado no sofá

juss: eu to com fome.. - disse dengoso

giu: o que quer comer? - ela olhou pra mim,eu fiquei de joelhos no sofá e cheguei bem perto do ouvido dela com a cara de safado

juss: voce! - sussurrei e vi ela se arrepiar

giu: safado! - ela riu e eu me sentei de novo

juss: safado mais voce gosta néh! - ela riu e jogou uma almofada em mim - vai amooor faz esse agradinho pra mim vai! - pedi com carinha de bebe

giu: vai tomar banho então! - abri um sorrisão e subi até o quarto,entrei pra tomar banho e depois só sai enrolado na toalha,fui até a porta e gritei

juss: AMORZINHOOOOO! UUHUUULL! - disse com voz de menina e só ouvi as gargalhadas dela la embaixo


P.O.V Giulia


 Ouvi justin me chamar la em cima com uma voz de mulher irresistivel kkkk Desliguei a Tv e subi as escadas ainda gargalhando,abri a porta e ele estava sentado na cama de toalha,ele levantou e vi seu corpo meio molhado..me subiu uma onda quente pelo corpo e me arrepiei ele sorriu e veio até mim,me abraçou e fechou a porta me encostando na parede


juss: gostou é? - ele me deu um selinho descendo pro pescoço


giu: opaa! - sorrimos - mais eu não sei se devemos... - ele continuou me arrepiando com suas caricias - justin é sério! - ele parou olhando pra mim


juss: porque?


giu: voce não pode fazer esforço...


juss: ér...e que tal voce ficar no comando hein? hein? - ele disse dengosinho


giu: hmmm ta bom.. - disse safada e voltamos a nos beijar




Continua!     

                 Desculpem o tamanho :/

domingo, 13 de novembro de 2011

Forever By My Side - Part. 26 - Eu mereço saber...

Antes: (...) até que enfim alguem pra não me impedir de jogar! --'






Agora...


   Fomos até a quadra e Sintia emprestou a bola de um garotinho,começamos a jogar e até que ela era boa,jogamos e na minha segunda cesta eu começei a cansar..

juss: vamos parar um pouco? - disse me sentando no chão

sintia: mais ja?

juss: só um pouquinho! - ela concordou e sentou do meu lado,eu recuperei o ar e voltamos a jogar,depois de 10 minutos eu estava exausto - ai chega! - me sentei na grama um pouco longe da quadra

sintia: justin nós jogamos 10 minutos! - ela se sentou e eu me deitei respirando forte

juss: eu sei mais ja cansei...desculpe! - disse puxando o ar fortemente,completamente sem ar,que dorgas ta acontecendo? haha eu acho que não me recuperei do hospital ainda...

sintia: érr..estranho mais ta bom! vamos tomar um sorvete então? - ela era um amor de pessoa! haha mais acho melhor não,tenho a giulia e tals..

juss: olha eu acho que não vai dar!

sintia: mais porque?

juss: eu tenho namorada e...eu acho melhor não!

sintia: tudo bem então! eu ja tenho que ir..- ela pareceu chateada

juss: desculpe!

sintia: tudo bem justin,mais espero te ver mais vezes hein..

juss: certeza! passa seu numero?

sintia: claro é xxxx-xxxx

juss: obrigada!

sintia: de nada,tchau! - ela me deu um beijo na bochecha  e foi eu fiquei la mais um pouco até me sentir bem de novo,levantei e fui devagar pra casa eu me sentia exausto,como se tivesse corrido a cidade inteira O.o Cheguei em casa e todos estavam na sala,eles olharam pra mim

pattie: a onde estava? - ela perguntou brava

juss: no parque! - disse grosso

pattie: fazendo o que? - ela disse pausadamente

juss: me divertindo! coisa que voces me proibiram! - disse mais grosso ainda

Chaz: a gente não te proibiu de nada justin! - ele disse bravo tambem

juss: não vou discutir com voces! - sai passando  do lado da Giulia que se manteve sentada de cabeça baixa,subi as escadas e me deitei na cama,fiquei pensando em tudo,eu não devia ter tratado ela daquela forma,mais eu não conseguia entender o porque de eles estarem me proibindo de fazer coisas que antes eu fazia todo dia...não entendo o porque os meninos adiaram a partida,isso é ótimo mais porque que? Droga!


  P.O.V Giulia

 Justin passou por mim e subiu,logo depois eu tive que ir no quarto dele pra pegar minha bolsa e voltar pra casa,eu estava dormindo com ele mais quero ir pra minha casa, a tempos não tenho um momento só meu..Subi as escadas com a intenção de não olhar pro justin,entrei e olhei na cama ele estava deitado olhando fixamente pra mim,fui até o closet dele pegar minha bolsa e sai,antes que eu pudesse abrir a porta ele me chamou,olhei pra tras

juss: a onde vai? - ele disse bravo e sério

giu: embora para a minha casa! - respondi da mesma forma

juss: quero conversar! - ele se sentou e apontou pra cama,suspirei e sentei - o que anda acontecendo? - ele disse triste

giu: como assim?

juss: pode abrir o jogo giulia...isso não é normal,eu tenho alguma coisa? - abaixei a cabeça respirando fundo - o que eu tenho?

giu: justin..

juss: o que eu tenho? fala pra mim giulia eu mereço saber! eu tenho alguma coisa não tenho? impossivel eu não ter com voces tendo todos esse cuidados comigo...diz pra mim!

giu: não insista por favor...

juss: o que eu tenho?

giu: justin não me forçe a falar! - disse ja deixando lagrimas escaparem - não de esse trabalho pra mim!

juss: então eu tenho alguma coisa... - ele abaixou a cabeça frustrado

giu: ja que voce ja sabe pergunte pra todos e não pra mim! eu não quero ter que falar..eu não quero que voce ouça da minha boca! - ja estava chorando muito,ele levantou a cabeça e secou minhas lagrimas me olhou carinhoso e me abraçou fortemente

juss: tudo bem! se te machuca tanto assim....fica calma! - ele me apertou mais - me desculpa por ter gritado com voce,não foi minha intenção!

giu: tudo bem!

juss: eu te amo!

giu: tambem te amo..muito! - ele me beijou

juss: mais eu quero...quero saber! e eu voce sabe que eu vou perguntar!

giu: eu sei...só quero te pedir uma coisa!

juss: oque?

giu: que não fique bravo comigo...e me entenda! se ponha no meu lugar

juss: voce esta me assustando!

giu: só promete! por favor..

juss: eu prometo! - ele beijou minha testa devagar - prometo correr pros seus braços depois e deixar que voce me console....

giu: porque esta dizendo isso?

juss: eu não sei...só vou deixar...voce é a unica! - ook ele me assustou dizendo isso,disse como se ja soubesse que o que ele tem não boa coisa,mais tambem tenho medo de ele achar que é uma coisa fraca e assustar bruscamente com a resposta...sei que se ele perguntar para  Pattie ela vai responder! ela é a unica que ja criou coragem a tempos para dizer ao justin - vou perguntar a minha mãe então.. - ele alisou meus cabelos

giu: e eu vou pra casa!

juss: tudo bem! mais eu quero voce dormindo comigo hoje..- acenti ja sabendo que ele iria perguntar pra mãe dele daqui alguns minutos,e me queria por perto

giu: eu volto..só me ligue!

juss: eu ligo! - nos beijamos mais uma vez e eu fui embora.

P.O.V Justin

Ela foi embora juntos com os meninos e disse que voltava depois,minha mãe entrou no quarto e sentou como meu pedido

juss: eu quero saber mãe...pode me dizer!

pattie: oque?

juss: ja sei que tenho alguma coisa pela minha conversa com a Giulia...só quero que me conte!

pattie: isso não é facil filho..não é mesmo! - derrepente ouvi um silencio mortal em casa

juss: eu imagino que não,mais eu quero que me conte!

pattie: certeza? - uma lagrima caiu do olho da minha mãe e meu coração se partiu

juss: sim..

pattie: voce sentia fortes dores de cabeça justin porque... - ela respirou fundo - a tres anos.... - meu corção acelerou  - silenciosamente...- ela segurou a minha mão se deixando chorar e disse com a voz de choro mais sentida desse mundo,fazendo meus olhos se encherem de agua e quando ela terminou... - ...vem crescendo um tumor no seu cérebro e não se sabe se tem cura! - ... uma lagrima gelada caiu de meus olhos.


Continua! 

 

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Forever By My Side - Part. 25 - Voce é minha namorada e não minha mãe!

Antes: (...) os exames foram muito repentinos e essa carga de exames que durariam um certo tempo para ser feito não fez bem pra ele,ele tem que
descançar!






Agora...

Sai da sala em estado de choque,não sabia o que fazer,não conseguia chorar..gritar...nem transmitir expressão nenhuma.Fui até a sala de espera e antes mesmo que eu sentasse os meninos ja me rodeavam,eu estava totalmente paralisada.Fiquei sem falar nada por um bom tempo e eles só ali do meu lado

giu: preciso ve-lo! - levantei e rapidamente fui indo em direção a um comprido corredor,olhei pra tras e enfermeiras seguravam os meninos os impedindo de passar,continuei minha rapida caminhada até la,cheguei e olhei pelo vidro justin estava acordado assitindo Tv e seu quarto estava vazio. Entrei e ele logo olhou pra mim soltando um sorriso,sorri e sentei ao seu lado,ele pegou minha mão

juss: não sinto mais dor...o que eu tinha? podemos ir embora ja? - me segurei para não chorar ali,meus olhos queriam embaçar e transmitir toda a minha dor,mais eu consegui controlar

giu: voce vai ter que ficar aqui alguns dias meu amor....em observação!

juss: mais porque? eu ja não sinto mais nada,eu estou bem! - ele disse inconformado

giu: melhor prevenir amor,não quero voce passando mal de novo!

juss: quando tempo vou ficar aqui?

giu: eu não sei... - disse por fim,ele me deitou em seu peito me aconchegando,ele estava quentinho por causa do cobertor,ele mesmo tendo aquela barriguinha e aquele corpo desenhado ele é fofinho e beeem confortavel kkk Fiquei alguns segundos até ouvir as fortes batidas de seu coração lembrei do que o médico disse "não posso saber se é benigno,mais a chances que não!" Se não for,o medo de nunca mais ouvir essas batidas me desespera e eu quero aproveitar cada segundo que eu tenho com ele,mesmo se tiver cura eu quero aproveitar,curtir ele ao maximo,arrancar quantos sorrisos eu puder e fazer ele gargalhar com as minha famosas cocegas no pescoço,justin quase morre de rir hehe Ele ficou fazendo carinho em mim enquanto assistia-mos a Tv até ele quebrar o silencio

juss: eu sei que voce sabe..- meu coração saiu de ritmo

giu: sei o que?

juss: o que eu tenho! diz pra mim...

giu: não sei o que voce tem,temos que perguntar ao médico..

juss: certeza?

giu: claro amor! - olhei pra ele

juss: te amo!

giu: te amo! - ele me deu um selinho e voltamos assistir Tv...


3 SEMANAS DEPOIS...

 Os meninos ainda não foram embora,todos ja sabem menos o justin,o médico disse que é melhor esperar um tempo pra contar,vai ser muito dificil pra ele..eles querem ficar e dar apoio a todos nós que agora acompanhamos justin em casa...ele esta PROIBIDO de fazer atividades físicas,de andar por mais de 10 minutos em ritmo considerado,de levar sustos entre outras coisas.Ele sempre pergunta se pode jogar bola e eu falo que não,ele sempre insiste como agora,8 horas da manha e ele quer jogar bolaa! ve se pode?

juss: amor eu quero jogar futebol! me sinto um doente preso nessa cama! - ele cruzou os braços

giu: justin agora não depois voce joga! - alisei seu rosto

juss: mais eu quero sair daqui! - ele disse bravo,acho que tantooo tempo proibindo ele,ele não aguentou - porque voce me segura aqui giulia? - ele sentou na cama - porque não posso sair e dar uma volta? o que ta acontecendo hein? - ele disse forte

giu: justin calma! - ele não pode passar nervoso

juss: calma? - ele levantou da cama - como calma se eu nem posso sair! eu não aguento mais olhar pra esse quarto,eu quero sair me divertir! Voce é minha namorada mais não minha mãe! VOCE NÃO PODE ME PROIBIR DE IR AO MENOS NOS PARQUE E VOCE NÃO VAI! - ele gritou,meus olhos se encheram de lagrimas e eu abaixei a cabeça,eu só quero o bem dele...eu o amo e só quero o bem dele,amo mais que tudo e não aguento ve-lo assim..

Chaz: o que foi?  - ele entrou no quarto pelos gritos e me observou um instante e depois olhou pro justin - qual o problema?

juss: qual o problema chaz? sera que pelo menos voce pode me dizer o que ta acontecendo?

Chaz: porque gritou com ela?

juss: O QUE ESTA ACONTECENDO QUE VOCES ME PRENDEM AQUI? - ele gritou mais bravo ainda,todos entraram no quarto dele e pattie disse

pattie: o que foi justin?

juss: o que esta acontecendo?

pattie: como assim?

juss: é comigo não é? o que eu tenho que não posso fazer nada?

pattie: é o seguinte:  VOCE  para de gritar com a giulia! para de gritar! - ela disse dando bronca nele - voce não tem nada!

juss: então porque não me deixam em paz? porque ficam me prendendo nessa porra de quarto? - ele disse nervoso e eu me assutei pela forma que ele falou - eu vou sair! EU VOU! me deixem em paz inferno! - ele saiu pisando duro e desceu as escadas..

P.O.V Justin

  Que porra é essa? eu saio a hora que eu quiser,acho que ja tenho idade suficiente pra isso...Fui andando até o parque e me sentei observando um grupo de garotinhas aprendendo andar naquelas bicicletas de rodinha,ouvi meu nome depois de um tempo e olhei pro lado,era uma loira...sintia? O.o

Xxx: justin? é voce? - ela veio e se sentou do meu lado

juss: é sou eu sintia! - sorrimos e ela me deu um beijo na bochecha

sintia: não esperava te encontrar aqui..sério mesmo!

juss: eu pensei que nunca mais iria te ver! - sorri pra ela

sintia: destino..

juss: haha pode ser!

sintia: ainda namorando?

juss: firme e forte! - sorri ao ver a imagem de giulia na minha frente

sintia: que bom! - senti frieza em sua voz

juss: o que faz por aqui? pensei que morasse em Quebec... - é ela me disse no avião

sintia: e moro! - ela olhou pra frente e depois olhou pra mim - tenho uma tia aqui!

juss: coincidencia! - sorri e ela tambem

sintia: o que anda fazendo de bom?

juss: nada que preste...não posso fazer nada!- fiz cara de tédio

sintia: como assim?

juss: todos la em casa me proibiram de fazer qualquer a não ser ficar deitado assistindo Tv...é legal ficar sem fazer nada mais depois de 2 meses isso cansa...

sintia: que estranho..não sabe o motivo?

juss: não faço ideia! - dei de ombros - não posso jogar futebol,basquete..nenhum esporte!

sintia: aa se voce quiser podemos jogar basquete agora! - ela sorriu de lado

juss: voce joga basquete?

sintia: sim,eu jogava no meu colégio...

juss: bom então vamos!

sintia: claro tem uma quadra ali - ela apontou pra um lugar atras da caixa de areia e do escorregador - vamos la! - sorri e levantamos,até que enfim alguem pra não me impedir de jogar! --'


Continua!

    Meninas desculpa não ter postado ontem,mais é minha internet tava com problema,desculpa mesmo :/ Olha pra anonima que eu ainda não sei o nome eu vou responder seu pedido de explicação kkk é que agora ja é quase uma da manha e eu to morrendo de sono --' Mais não é nada disso que voce ta pensando viu,eu sou uma BELIEBER! depois te explico....Eai gente? o justin não pode fazer nenhum esforço e justo agora,assim do nada a baranga do avião aparece? e ainda leva ele pra fazer uma coisa TOTALMENTE proibida? aff que p*** haha Deixem opiniões! Love ya...